Santa Lucia Luntana

( Canta: Claudio Villa )
( Autor: E. A. Mario - 1919 )

Ouça todas as músicas de Claudio Villa

  • Santa Lucia Luntana - Claudio Villa

 Provavelmente existem alguns erros de tradução, me perdoe. Sugerir Correção

Originale


Partono 'e bastimente
pe' terre assaje luntane...
cántano a buordo:
só' Napulitane!
Cantano pe' tramente
'o golfo giá scumpare,
e 'a luna, 'a miez'ô mare,
nu poco 'e Napule
lle fa vedé...

Santa Lucia!
Luntano 'a te,
quanta malincunia!
Se gira 'o munno sano,
se va a cercá furtuna...
ma, quanno sponta 'a luna,
luntano 'a Napule
nun se pò stá!

Santa Lucia, tu tiene
sulo nu poco 'e mare...
ma, cchiù luntana staje,
cchiù bella pare...
E' 'o canto d''e Ssirene
ca tesse ancora 'e rrezze!
Core nun vò' ricchezze:
si è nato a Napule,
ce vò' murí!

Quanta malincunia!

Tradução


Partem os navios
por terras muito distantes...
cantam a bordo:
são Napolitanos!
Cantam, e no entanto
o golfo já desaparece
e a lua no meio do mar
um pouco de Nápoles
lhe faz ver.

Santa Lucia!
Longe de ti,
quanta melancolia!
Se gira o mundo todo,
Se vai procurar fortuna...
mas quando a lua desponta
longe de Nápoles
não se pode estar!

Santa Lucia, tu tens
só um pouco de mar...
mas, mais distante estás,
mais bonita parece...
É o canto das Sereias
que tece ainda as redes!
Coração não quer riquezas:
se nasceu em Nápoles,
lá quer morrer!

Quanta melancolia!

* Número de validação incorreto! Por favor digite 14

     
 

Musica Italiana Copyright 2006-2017 "Pino Ulivi". Design, conteúdo e publicação da parte de "Leo Caracciolo"

As músicas em italiano são dos seus respectivos autores.