Io sono il vento

( Canta: Arturo Testa )
( Autores: Fanciulli - Testoni - 1959 )

Ouça todas as músicas de Arturo Testa

  • Io sono il vento - Arturo Testa

 Provavelmente existem alguns erros de tradução, me perdoe. Sugerir Correção

Originale


Oh oh oh oh!
Oh oh oh oh!
Oh oh oh oh!
Oh oh oh!

Tu, che mi guardi e sorridi,
mi chiedi: "Chi sei?".
Anima inquieta, mi dici,
tu dunque lo sai.
Tu puoi capirmi
e capire vuol dir perdonare
ed aspettare per questo amore
la verità.

Io sono il vento,
sono la furia che passa
e che porta con sé,
che nella notte ti chiama,
che pace non ha,
son l'amor
che non sente pietà.

Io sono il vento,
se t'accarezzo
non devi fidarti di me.
Io non conosco la legge
che guida il mio cuor,
son l'amor, la passione d'amor,
qualcosa c'è in me,
più forte di me.

Sono l'aria
che talora sospira
e che al sol del mattino
più dolce si fa.
Son la furia
che improvvisa si adira
e che va, fugge e va,
dove andrà, non lo so.

Io sono il vento,
sono la furia che passa
e che porta con sé.
Ho traversato il deserto
cercando di te,
t'amerò, era scritto così,
qualcosa c'è in me,
più forte di me.

Sono l'aria
che talora sospira
e che al sol del mattino
più dolce si fa.
Son la furia
che improvvisa si adira
e che va, fugge e va,
dove andrà, non lo so.

Io sono il vento,
sono la furia che passa
e che porta con sé.
Ho traversato il deserto
cercando di te,
t'amerò, era scritto così,
qualcosa c'è in me,
più forte di me.

Più forte di me!

Tradução


Oh oh oh oh!
Oh oh oh oh!
Oh oh oh oh!
Oh oh oh!

Tu, que me olhas e sorris,
me perguntas: "Quem és?".
Alma inquieta, me dizes,
tu portanto o sabes.
Tu podes entender-me
e entender significa perdoar
e esperar por este amor
a verdade.

Eu sou o vento,
sou a fúria que passa
e que leva consigo,
que na noite te chama,
que paz não tem,
sou o amor
que não sente piedade.

Eu sou o vento,
se te acaricio
não deves confiar em mim.
Eu não conheço a lei
que guia meu coração,
sou o amor, a paixão do amor,
alguma coisa tem em mim,
mais forte do que eu.

Sou o ar
que as vezes suspira
e que ao sol da manhã
mais doce se torna.
Sou a fúria
que de improviso se adira
e que vai, foge e vai,
onde irá, não sei.

Eu sou o vento,
sou a fúria que passa
e que leva consigo.
Atravessei o deserto
buscando por ti,
te amarei, estava escrito assim,
alguma coisa tem em mim,
mais forte do que eu.

Sou o ar
que as vezes suspira
e que ao sol da manhã
mais doce se torna.
Sou a fúria
que de improviso se adira
e que vai, foge e vai,
onde irá, não sei.

Eu sou o vento,
sou a fúria que passa
e que leva consigo.
Atravessei o deserto
buscando por ti,
te amarei, estava escrito assim,
alguma coisa tem em mim,
mais forte do que eu.

Mais forte do que eu!


* Número de validação incorreto! Por favor digite 4

     
 

Musica Italiana Copyright 2006-2017 "Pino Ulivi". Design, conteúdo e publicação da parte de "Leo Caracciolo"

As músicas em italiano são dos seus respectivos autores.