Doce, doce

( Canta: Fred Bongusto )
( Autor: Fred Bongusto - 1961 )

Ouça todas as músicas de Fred Bongusto

  • Doce, doce - Fred Bongusto

 Provavelmente existem alguns erros de tradução, me perdoe. Sugerir Correção

Originale


È tanto tristre, ammore,
dirse addio,
stasera tremma impietto o core mio.

Ma doce, doce, doce,
erano e vase.
Doce, doce!

Pe' 'tte sarra' nu juorno
comm'a n'ato,
pe mme tutto nu munno se n'e gghiuto.

Ma doce, doce, doce,
erano e vase.
Doce, doce!

O tiempo passarrà,
n'at'ommo
t'astringnerà.

Allora tu, forse tremanno,
ricuordarraie comm'aggio amato
chist'uocchie tuoie, sta vocca toia.

È tanto tristre, ammore,
dirse addio,
stasera tremma impietto o core mio.

Ma doce, doce, doce,
erano e vase.
Doce, doce!

Ma doce, doce, doce,
erano e vase.
Doce, doce!

Doce, doce!

Tradução


É tão triste, amor,
dizermo-nos adeus,
esta noite treme no peito o coração meu.

Mas doces, doces, doces,
eram os beijos.
Doces, doces!

Pra ti será um dia
como um outro,
pra mim tudo no mundo foi embora.

Mas doces, doces, doces,
eram os beijos.
Doces, doces!

O tempo passará,
um outro homem
te abraçará.

Então tu, talvez tremendo,
relembrarás como eu amei
estes teus olhos, esta tua boca.

É tão triste, amor,
dizermo-nos adeus,
esta noite treme no peito o coração meu.

Mas doces, doces, doces,
eram os beijos.
Doces, doces!

Mas doces, doces, doces,
eram os beijos.
Doces, doces!

Doces, doces!

* Número de validação incorreto! Por favor digite 9

     
 

Musica Italiana Copyright 2006-2017 "Pino Ulivi". Design, conteúdo e publicação da parte de "Leo Caracciolo"

As músicas em italiano são dos seus respectivos autores.