Core analfabeta

( Canta: Antonio de Curtis )
( Autor: Antonio de Curtis - 1955 )

Ouça todas as músicas de Antonio de Curtis

  • Core analfabeta - Antonio de Curtis

 Provavelmente existem alguns erros de tradução, me perdoe. Sugerir Correção

Originale


Stu core analfabeta
tu lle purtato a scola
e s'è mparato a scrivere
e s'è mparato a lleggere
sultanto 'na parola
"Ammore" e niente cchiù.

Ammore,
ammore mio si tu,
femmena amata.
Passione,
passione ca' sta vita
daie calore.

Quanno te vaso a vocca avvellutata,
chistu velluto m'accarezza 'o core,
stu core ca tu, pa' mano, lle purtato a scola,
e s'è mparato a scrivere,
e s'è mparato a leggere
"Ammore" e niente cchiù!

Tradução


Este coração analfabeto
tu o levaste para a escola
e aprendeu a escrever
e aprendeu a ler
somente uma palavra
"Amor" e nada mais.

Amor,
meu amor és tu,
mulher amada.
Paixão,
paixão que a esta vida
dá calor.

Quando te beijo a boca aveludada,
este veludo me acaricía o coração,
este coração que tu, pela mão, levaste para a escola,
e aprendeu a escrever
e aprendeu a ler
"Amor" e nada mais!

* Número de validação incorreto! Por favor digite 7

     
 

Musica Italiana Copyright 2006-2017 "Pino Ulivi". Design, conteúdo e publicação da parte de "Leo Caracciolo"

As músicas em italiano são dos seus respectivos autores.